Como deixar suas finanças em ordem para começar 2019 sem preocupações

Publicado em: 04/01/2019

Todo dia é um bom momento para traçar novas metas. No entanto, o final de um ano e o início de outro é como um marco, uma página em branco, um novo começo.

Por toda essa simbologia e força presentes neste momento, a chegada de um novo ano pode te ajudar a alcançar metas antes esquecidas.

Para entrar o ano com o pé direito em termos financeiros, é preciso que você se disponha a fazer de 2019 um ano financeiramente incrível.

Obviamente que aprender este conhecimento, por si só, não fará nenhuma mágica, mas se você conseguir aplicá-lo e se dedicar ao longo de 2019, com certeza dará um grande passo rumo a tão sonhada liberdade financeira.

 

Utilize seu décimo terceiro com sabedoria

Nesse período do ano, a maioria dos trabalhadores recebe o 13º, mas mesmo os que não recebem podem ter um aumento em seu faturamento, como os vendedores ambulantes e outras categorias ligadas a vendas e serviços.

Acontece que esse dinheirinho extra deve ser utilizado de uma maneira muito bem pensada.

Primeiramente, se você tiver dívidas, ele deve ser usado para saldá-las! Parece óbvio, mas muitas pessoas se deslumbram com a “folguinha no orçamento” e acabam se endividando ainda mais.

Se seu orçamento está no zero a zero, ou seja, o que você ganha só dá para pagar as contas, separe um valor (indico que seja no máximo 50% do seu décimo terceiro) para algum luxo como presentes e/ou comprar roupas novas paras as festas.

Outro detalhe é que nessa época, além das festividades, acaba sendo um pouco difícil fugir das confraternizações e “amigos secretos”. Por isso, se planeje para não gastar todo seu décimo por conta dessas ocasiões.

Escolha com bastante consciência as confraternizações que vai participar.

Por exemplo, se você trabalha, faz um curso de línguas e/ou costuma participar das confraternizações da faculdade, de amigos/família você terá que escolher – de acordo com seu orçamento – de quais deverá participar.

O grande ponto é que o ideal é que você poupe e invista a maior parte possível do seu dinheiro extra de final de ano. Esta é a atitude mais correta do ponto de vista daqueles que querem prosperidade.

Se você não costuma fazer isso, está mais do que na hora de mudar essa realidade. Ano novo, vida financeira nova!

Comece a guardar dinheiro, inicie a construção da sua reserva de emergência (caso você ainda não tenha uma) e trabalhe para aumentar suas fontes de renda passiva.

 

Saiba quanto suas futuras dívidas vão te custar

Janeiro é um mês complicado do ponto de vista financeiro, pois além de contas como: matrícula de colégio/faculdade, material escolar, IPTU, IPVA… as contas de fim de ano, quando se gasta sem planejamento, pesam de maneira negativa no orçamento.

Nessa situação, algumas pessoas que tinham uma vida financeira equilibrada, acabam começando o ano no vermelho e passam o ano todo lutando para reequilibrar as contas.

Entretanto, normalmente, esta situação pra lá de desagradável só costuma acontecer porque não fizeram um estudo detalhado de quanto podiam gastar nas festividades do fim do ano anterior.

Dessa maneira, antes de comprar como se não houvesse amanhã, lembre-se: as parcelas somadas acabam tendo um alto impacto no seu orçamento.

Ao não analisar sua situação financeira, você está sabotando seu futuro e fazendo com que uma meta como poupar dinheiro em 2019 fique cada dia mais longe de se realizar.

Altas prestações que comprometem seu orçamento podem transformar seu sonho de liberdade financeira em um pesadelo, pois ao se acostumar com elas, você acaba trocando prestações velhas por novas.

Por outro lado, seu desejo de poupar e investir acabam sendo postergados indefinidamente em detrimento da satisfação momentânea.

 

Corte despesas inúteis

Mais uma vez pensando em um começo de ano que pode transformar seu ano em um grande sucesso do ponto de vista financeiro, comece a cultivar o bom hábito de não gastar tudo que ganha.

Se no momento você ainda não segue essa dica de ouro, analise seus gastos e corte despesas inúteis.

Definir o que é útil ou inútil vai depender das suas preferências e gostos pessoais, porém, comece pelas coisas que você paga e não utiliza ou utiliza pouco.

Logo, se você assina um pacote de TV a cabo com vários opcionais, mas nunca tem tempo de assistir ou quando quer assistir algo opta por serviços de streaming, eis um gasto inútil que pode ser cortado ou reduzido.

 

Conserte, recicle e reaproveite

Um bom jeito de se preparar para o ano que está prestes a chegar e ao mesmo tempo economizar ou até ganhar algo com isso é usando o que você já possui da melhor maneira possível.

Se uma roupa que você não usa há muito tempo voltou à moda, por que não usá-la? Se não cabe mais em você, doe, coloque em sites de vendas online ou faça um bazar…

Desse modo, você pode fazer uma limpeza na sua casa, organizar os ambientes e encontrar novas formas de usar o que estava guardado ou destinar o que já não serve mais para você.

Fazer essa “limpeza” pode te motivar a continuar deixando as coisas em ordem em 2019.

Quando tudo está no lugar, ser organizado na vida financeira torna-se uma consequência, um reflexo de todas as outras áreas da sua vida.

 

Arranje maneiras de se livrar das dívidas

Aproveite o momento para renegociar as dívidas e quitá-las, se for possível.

Essa pode ser a ocasião ideal para livrar-se do peso do endividamento e planejar seu orçamento de 2019 de uma forma muito mais tranquila.

Se for preciso fazer um sacrifício para colocar as contas em dia, como trocar o carro por um mais econômico ou com IPVA e/ou manutenção mais baratos, é um bom período também.

Muitas pessoas aproveitam esse período do ano, quando recebem um dinheiro extra, para esse tipo de transação. Assim, você pode eliminar/reduzir despesas e ao mesmo tempo conseguir o capital necessário para pagar suas dívidas.

O mesmo pode ser feito com outros bens como celulares, notebooks, videogames, enfim, qualquer bem de maior valor que possam ser vendidos ou trocados por modelos mais simples sem que comprometa suas necessidades básicas de utilização no cotidiano.

 

Nunca é tarde para começar

Se você nunca anotou seus gastos, não sabe como vem usando seu dinheiro e muito menos o que cortar para poupar parte da sua renda, é hora de focar nisso.

O ponto chave de um próspero ano novo é estar com as finanças em dia e para isso é preciso ter um diagnóstico financeiro.

Nesse sentido, controlar seus gastos deve ser o primeiro passo.

Todo dinheiro que sair da sua carteira ou conta bancária deve ser registrado, bem como toda receita que entrar nelas.

De posse de um mês desse seu fluxo de caixa, você já será capaz de definir no mínimo três coisas muito importantes para que você possa assegurar sua tranquilidade financeira:

Quais gastos podem ser eliminados ou diminuídos;
Qual valor você pode poupar mensalmente, se é que já pode, isso vai depender da sua situação financeira no momento;
E, quanto é que você deve ter guardado para emergências (pelo menos, 6 meses do seu custo de vida atual).

 

Conclusão

Para iniciar o ano de forma tranquila e com as contas em dia, é indispensável que você organize suas finanças. Caso ainda não esteja conseguindo fazer isso, aproveite nossas dicas e comece hoje mesmo!

Não corra o risco de passar mais um ano apenas pagando contas e lutando contra o endividamento.

Além de desgastante emocionalmente é um tempo perdido que te deixa cada dia mais longe de ser financeiramente independente.

Uma dica extra para conseguir se manter motivado para realizar suas metas é destrinchar os grandes objetivos em pequenas ações.

Se semanalmente você decidir o que vai fazer para ficar mais perto de alcançar seu sonhos, com pequenos esforços diários os grandes objetivos irão se concretizar.

E, não se esqueça, se não for possível poupar todo o valor do seu décimo, pelo menos divida em três parcelas: uma para despesas de fim de ano, uma para ajudar com as contas a mais do mês de janeiro (impostos, material escolar…) e outra para poupança e investimento.

 

Por: Victor Leitão 
Fonte: Blog Mobills 

 

Curta a nossa Fanpage
Newsletter

Assine a nossa Newsletter