VOCÊ CONSEGUIRIA VIVER APOSENTADO COM O TETO DO INSS?

Publicado em: 29/10/2018

Benefício Fiscal e Regime de Tributação

Esta é uma pergunta que merece reflexão. Seja sincero com você mesmo. Avalie as contas que possui hoje e as que precisa pagar ao longo do mês… Pense no seu custo de vida. O valor atual do teto do INSS de R$ 5.645,81 seria suficiente?

reforma da Previdência parece ser inevitável para qualquer presidente que venha a assumir o Brasil em 2019. Algumas mudanças nas regras da aposentadoria dos brasileiros são certas. Elas irão impactar diretamente o bolso e o futuro de muitos servidores públicos também.

A estimativa da Secretaria de Previdência para a arrecadação do RGPS para 2019 é de 5,57% e a de despesa é de 8,42% do PIB. Outro estudo da Secretaria observa um crescimento contínuo da despesa nas próximas décadas, atingindo 16,75% do PIB em 2060, comprometendo a aposentadoria do brasileiro. Tal trajetória é pautada, fundamentalmente, pelo acelerado processo de envelhecimento populacional no Brasil*.

O Projeto de Lei Orçamentária para 2019 prevê que o déficit projetado para o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) dos servidores civis da União é de R$ 44,31 bilhões, correspondendo a 0,60% do PIB previsto para o mesmo ano**.

Com a evolução desse quadro, não se espante se, num futuro relativamente próximo, os aposentados ou pensionistas receberem cada vez menos. O que, com certeza, não seria uma boa surpresa, certo?

Então, lembre-se: nunca é cedo – ou tarde – demais para planejar sua aposentadoria. Todo mundo deseja ter qualidade de vida e tranquilidade financeira nessa época e não existe nenhuma dificuldade em fazer um bom plano de previdência.

Ver, mensalmente, o crescimento das reservas no extrato da conta é algo que motiva a poupar, com ou sem a contrapartida do órgão patrocinador no qual  o participante trabalhe.

Os servidores públicos federais têm a oportunidade de ter uma previdência complementar fechada desde 2013. Isso é um privilégio de poucos!

As instituições de previdência complementar dos servidores públicos federais têm opções para quem está no novo regime, submetido ao teto do INSS, e para quem se encontra nos regimes antigos – paridade ou média salarial – e que se preocupa em manter o mesmo padrão de vida na aposentadoria.

A reflexão é necessária. Pense no seu custo de vida. Comece a poupar desde já e garanta um futuro tranquilo, muito melhor para você e sua família. A decisão depende só de você!

* Projeções Financeiras e Atuariais para o Regime Geral de Previdência Social – RGPS da Secretaria de Previdência (março/2018).
** Projeto de Lei Orçamentária 2019

Por Paolla Dantas – Assessora de Comunicação e Marketing da Funpresp-Jud

Curta a nossa Fanpage
Newsletter

Assine a nossa Newsletter